PortuguêsEnglish

Blog

2022.06.16

Agora sou Oficialmente um Pré-Candidato

Pre candidato bruno massa

Finalmente, o Partido Novo aprovou e comunicou minha pré-candidatura à Câmara dos Deputados.

Sempre tive vontade e agora a oportunidade. O governo Zema fez um excelente trabalho em Minas Gerais e temos tudo para duplicar a bancada no Congresso Nacional.

A nossa amada nação Brasileira está sendo castigada com fome, miséria enquanto os poderosos gozam de privilégios e mordomias. O NOVO sempre honra o trabalho e o dinheiro que cada brasileiro tem e sempre busca usá-lo da melhor forma: serviços para você.

Quero que todos PROSPEREM na vida. Você e sua família, Minas Gerais e o Brasil. Prosperar é melhorar de vida, ter mais saúde, educação e dinheiro no bolso, para ter a liberdade de fazer o que você quiser fazer. Não depender de ninguém nem governo nenhum. Quem prospera é mais feliz, dono do próprio nariz.

PROSPERIDADE é a palavra da vez!

20220402_181844(0).jpg
2022.04.20

Pré-Pré-Candidato

Toda mãe teme ouvir de ser filho: Mãe, vou entrar para a política!. A minha sabe que a mãe de todo político é lembrada! Tadinha.

Mas chegou a hora. Desde jovem me interesso por política e liderança. Quem me conhece até ficou surpreso, mas não incrédulo. Representante de todas as turmas que estudei, centro acadêmico na USP, liderança no trabalho e entre amigos. Discuto com quem quiser, não importa posição ideológica.

Agora, depois de duas décadas como administrador formado na USP, a última no alto escalão da Petrobras, pós-pandemia, vendo as decisões de Brasília de longe, resolvi finalmente entrar para mudar este mundo.

Qual partido?

O NOVO. Sério, com valores e princípios, o NOVO é o maior partido do Brasil que ainda tem ideologia. O resto, só quer o poder.

  • O NOVO não vai usar o seu dinheiro para eleições. Ele vai devolver TUDO do fundo eleitoral. TODOS os outros partidos, quer você goste ou não, vão usar o seu suado dinheirinho.
  • O NOVO não usa dinheiro público para nada, na verdade.
  • O NOVO entrou em todas as brigas no congresso para diminuir impostos e privilégios.
  • O NOVO expulsa membros que não tem conduta honesta. Nada de passar a mão na cabeça de ninguém.

Pré Pré?

O NOVO tem um processo seletivo completo. Só pode se candidatar quem tem já plano, proposta e se mostrar sério e competente. Todos são entrevistados. Nada de Tiriricas e Clodovils. Por isso, a oficialização da Pré Candidatura só virá em algumas semanas.

A Situação Atual do Brasil

A Economia está na lama. Grande parte dos brasileiros vivem na miséria. Risco de não comer hoje. Ou amanhã. A pobreza aumentou de maneira assustadora. Num mundo pós-pandemia, é a hora do país finalmente dar a virada.

Em Minas Gerais, Romeu Zema fez uma verdadeira limonada com os limões que tinha. O estado cresceu e teve suas contas colocadas no lugar. Crescer e ter de economizar não é tarefa fácil, mas Zema fez.

A Meta

Vou me candidatar a Deputado Federal por Minas Gerais.

Não importa quem for o presidente, a ordem é fazer de tudo para gerar empregos e facilitar o empreendedorismo. Menos burocracia. Mais digital. Todos nós brasileiros, independe da ideologia, queremos mesmo é melhorar de vida.

  1. O desempregado quer ter emprego.
  2. O empregado quer ganhar melhor e ser valorizado.
  3. Muitos tem o sonho de empreender
  4. O empreendedor quer crescer, e empregar mais.
  5. O ciclo se repete

Meu sonho é ter nos noticiários menos histórias de escândalos e corrupção e mais histórias de sucesso, felicidade e justiça. Espero que este seja seu sonho também.

O Plano

Para isso, conto com apoio de setores ícones de Minas: agro e mineração. No Triângulo Mineiro, Sul de Minas e região metropolitana de Belo Horizonte, vou lutar no digital e nas ruas.

Nas redes sociais, quero informar e divertir. O assunto é sério, mas prometo não ser o chato. Ao longo das semanas vou detalhando as ideias, mostrando quem sou eu e como chegaremos lá.

Siga, compartilhe, comente e pergunte:

Facebook: @brMASSAfb

Instagram, Twitter, Youtube: @brMassa

multilanguage.jpg
2022.03.27

Site Multi-Idioma

brunomassa.com sempre foi um site internacional. Quase todos os posts são em inglês. Mas agora que eu posso ter muito conteúdo com a minha nova carreira na política (mais sobre isso num post futuro), talvez valha sim a pena eu colocar o site em português separado. Misturar posts de programação, jogos e filmes vai só confundir seguidores e eleitores.

Mas ao invés de trocar todo o conteúdo, eu resolvi separar os idiomas. Em português certamente aparecerão mais posts com relevância exclusiva para o público brasileiro. Curiosamente, praticamente todos os meus posts antigos são sobre política ou futebol. Então ele não vai ter de passar por um filtro mais substancial.

Ainda não sei como fazer um modelo híbrido, com alguns posts sendo independente do idioma. Se eu encontrar, devo ativar no futuro. Será especialmente útil para potenciais hot-pages, que são aquelas páginas especiais para servir de entrada com promoções ou conteúdos especiais. Não seria bom fazer uma hot-page com brunomassa.com/pt-br/hot-page, pois perde um pouco da funcionalidade e da facilidade de se divulgar e lembrar. Para ajudar ainda mais, comprei o domínio brmassa.com com o intuito de consolidar e uniformizar os perfis públicos das diversas redes sociais. O site ser o mesmo nome dos meus usernames pode ser uma boa.

Assim, vou começar a trabalhar no sentido de criar mais conteúdo sobre política e contexto brasileiro. Vou ao longo da semana começar a postar os primeiros conteúdos, bem como fazer o anúncio agora-não-mais-tão-secreto.

Este post é um que tem múltiplos idiomas. Clique nas bandeirinhas para mudar o idioma.

2021.11.15

Casa Nova

Pouco tempo depois que a pandemia começou, eu saí do Rio de Janeiro e fui morar na casa dos meus pais. Foi uma decisão que tinha como base sair de um centro urbano muito mais propenso a uma grande crise de saúde sanitária. Outra razão era ficar mais perto dos meus pais.

Logo em seguida, veio a uma ideia: convidar a minha namorada para vir morar conosco, ao menos durante alguns meses. Até que tudo voltasse ao normal. Mas dois meses depois, todos começamos a ver que a pandemia duraria mais tempo.

Foi então que fiz uma segunda proposta para minha namorada: ir morarmos sozinhos. Levar meus dois cachorros, e tentar viver inteiramente por nossa conta. A cidade escolhida seria Uberaba, onde ela trabalha e estava com previsão de voltar ao modelo presencial mais brevemente.

Em poucas semanas, fomos para Uberaba, achamos um apartamento todo mobiliado e mudamos. Éramos donos da nossa própria aventura. A grande oportunidade de conhecer intimamente um ao outro.

O experimento deu certo. Em alguns meses eu pedi ela em casamento. 9 meses depois, nos casamos. E agora compramos a nossa própria casa. Juntos. Meio a meio.

Tem sido uma experiência fantástica e, no meio desta pandemia toda, talvez 2021 seja o ano mais importante da minha vida.

Corretora

Encontrar um imóvel já foi uma tarefa complexa. Hoje com a internet, facilitou demais. Não é o mesmo que comprar cerveja na Amazon, mas já não é aquele bicho de sete cabeças. A grande razão disso é resistência do mercado imobiliário a embarcar na mudança. E dos grandes valores que eles perderiam se o fizessem.

O trabalho dos corretores poderia ser dividido em três grandes etapas:

  • Vendedor: a primeira grande atribuição é apresentar o catálogo e ajudar o comprador a ter o melhor para suas necessidades e bolso. Em sua grande maioria, não entendem nada dos imóveis visitados e não acrescentam nada na visita ou negociação. Não sabem metragem, voltagem das tomadas, ano de construção, não sabem o valor do ITPU, do condomínio, se tem segurança na rua. Apenas agendam visitas, pegam a chave e abrem a porta.

  • Advogado: caso avancem na negociação, será preciso deixar as duas partes bem confortáveis ao escrever um bom contrato. Deve constar tudo, sem que torne o documento intimidador.

  • Despachante: papelada, documentos e assinaturas. O registro do imóvel é cheio de valores altos e documentos formais. Eles colocam bastante medo que isso pode dar errado, mas na verdade, apesar de ser tedioso, não tem mistério. É importante ter paciência, pois cada etapa pode demorar semanas a fio.

Minha experiência em todos estes anos com corretores de imóveis é péssima. Por isso minha primeira ideia foi fazer o máximo possível sem auxílio de qualquer um. Visitei e liguei diretamente para os proprietários o quanto pude. Um quase fechou negócio, mas desistiu em cima da hora.

No final, tivemos de usar serviços de uma imobiliária. Como imaginei, acrescentaram pouco e aumentaram consideravelmente os valores. 10%. Afinal, eu poderia ter feito tudo sozinho. Inclusive fiz muitas das etapas sozinho mesmo.

Caixa

Uma grande vantagem do financiamento mobiliário é que ele tem taxas de juro realmente baixas. Abaixo dos valores de investimentos seguros e líquidos, Assim, se a pessoa tiver o dinheiro guardado para comprar, vale a pena financiar ao máximo. Vai pagar as parcelas por anos a fio, mas o dinheiro guardado vai render mais. No final, é possível ganhar dinheiro.

Outra curiosidade é a possibilidade do uso do FGTS. É um dinheiro que todo empregador é obrigado a depositar no governo para o empregado. Mas o empregado não pode usar. Fica nas mãos do estado, rendendo praticamente nada (afinal, ele é usado justamente para financiar imóveis populares a juros baixos). Usar este recurso para abater o principal da dívida é uma estratégia certeira para fazer ele render.

De todos os bancos que operam no Brasil, um se destaca: Caixa Econômica Federal.

  1. Ela é a guardiã e gestora dos recursos que o Estado tem com a população, como FGTS.
  2. Já foi a principal financiadora imobiliária pelas baixas taxas praticadas, mas que nos últimos anos ganhou competição de outros bancos privados.
  3. É o pior banco. Atendimento péssimo. Produtos péssimos. Taxas péssimas. Hoje em dia somente popular entre as pessoas simples que precisam desesperadamente de dinheiro. E recorrem ao nome tradicional da CEF.

Tinha como meta não usar a Caixa, mas não deu certo por um pouco. Justamente perto de fechar a operação, o Banco Central sinalizou um aumento dos juros e todos os bancos reagiram rapidamente. A Caixa manteria os valores por algumas semanas. Faria diferença.

Acostumados a tratar com gente simples, eles passaram a usar táticas de pressão para venda casada com outros produtos. A gerente disse que eu teria de fazer uma “reciprocidade” à gentileza da Caixa de dar uma taxa baixa ao contratar um seguro de vida. Ou título de capitalização. Ou investir um montante com eles. Nada disse era verdade. No último minuto ainda teve a ousadia de dizer que se eu não contratasse alguma coisa, que ela ia ficar com uma cara na frente do colegiado que avalia empréstimos. Tenho tudo gravado em áudio e mensagens.

Não contratei nada. Apenas o estritamente necessário. Meses depois ainda me dão dores de cabeça. Mas é preciso ser forte.

Lar Doce Lar

A experiência de comprar um imóvel é ao mesmo tempo gratificante e estressante.

Estamos super felizes com o resultado, pois estamos morando num lugar gostoso, silencioso por ser mais na periferia da cidade, e estou investindo em melhorias todos os meses.


Ouça os meus conselhos:

  • Faça você mesmo o trabalho do corretor. É possível, para não dizer até fácil.
  • Evite a Caixa Econômica como o diabo foge da cruz. Recuse TUDO que eles ofereçam.
  • Use protetor solar.
top.jpeg
2018.11.26

Palmeiras Campeão!

Gosto muito de futebol. Mas não sou nenhum fanático. Eu torço, vibro e vou umas 3 a 5 vezes ao ano ver pessoalmente nos estádios. Não sou de ofender os jogadores e técnicos pela TV porque sei que eles não estão escutando nada.

Em 25 de Novembro, uma feliz coincidência de fatores permitiria que eu pudesse ver meu time, caso ganhasse, ser campeão nacional. Pessoalmente. Ao vivo! Não poderia perder esta chance.

O jogo seria no estádio do Vasco. A sorte é que a torcida do Vasco é considerada torcida irmã da torcida do porco. Então seria bem improvável ter qualquer tumulto. Os ingressos do time visitante estavam completamente esgotados. Decidi, juntamente com um amigo palmeirense, que iríamos na torcida do Vasco mesmo. Não houve falta de avisos que os arredores de São Januário eram perigosos. Nem faltaram avisos que ir na torcida do adversário era perigoso. Tampouco faltou conselhos que o time poderia perder e tudo seria inútil.

Fomos. Torcemos. E ganhamos! Baita emoção. Foi incrível ver o time comemorar a vitória definitiva depois de 37 jogos. Com uma rodada de antecedência, não poderia ser mais alcançado.

Bruno 𝕄𝔸𝕊𝕊𝔸